Renata Meirelles conta como surgiu o livro Cozinhando no quintal

A educadora Renata Meirelles, idealizadora do projeto Território do Brincar, do Instituto Alana, é autora do livro Cozinhando no quintal (Editora Terceiro Nome), lançado no dia 8 de outubro. O livro nasceu da experiência vivida por Cozinhando no quintal, de Renata Meirelles, mostra como as crianças utilizam os elementos ao seu redor na hora de brincar de cozinhar, fazendo comidinhas de brincadeira com ingredientes encontrados no quintal, como flor, lama, grama, folhas e sementes.

EPSON MFP image

A educadora Renata Meirelles, idealizadora do projeto Território do Brincar, com a co-realização do Instituto Alana, é autora do livro Cozinhando no quintal (Editora Terceiro Nome), lançado no dia 8 de outubro de 2014.

O livro nasceu da experiência vivida por Renata e pelo documentarista David Reeks entre abril de 2012 e dezembro de 2013, quando eles percorreram diversas regiões brasileiras, como comunidades rurais, indígenas, quilombolas, metrópoles, sertão e litoral. Cozinhando no quintal mostra como as crianças utilizam os elementos ao seu redor na hora de brincar de cozinhar, fazendo comidinhas de brincadeira com ingredientes encontrados no quintal, como flor, lama, grama, folhas e sementes.

lançamento do Livro Cozinhando no quintal

cropped-cropped-logos-com-muros-mais-fino2Como surgiu o projeto do livro?

Renata Este é o primeiro livro que surgiu como resultado do Território do Brincar. Para quem ainda não conhece, o Território do Brincar, uma co-realização com o Instituto Alana, é um projeto de pesquisa, registro e difusão da cultura da infância no Brasil. Durante 21 meses de viagem (de abril de 2012 a dezembro de 2013) organizamos uma parceria com seis escolas para alimentar o olhar sobre o brincar da criança dentro e fora da escola. Nesse processo desenvolvemos uma pesquisa coletiva, entre nós e essas escolas parceiras, onde um dos temas foi o brincar de casinha. Como essa brincadeira acontece dentro e fora da escola? O que as crianças nos dizem quando estão brincando de casinha? O que existe por trás dos gestos das crianças ao brincar de casinha? As comidinhas, que tanto me encantavam, foram um ponto alto da minha pesquisa dentro desse tema, e delas nasceu esse livro. Continue lendo “Renata Meirelles conta como surgiu o livro Cozinhando no quintal”

História e cultura africana e afro-brasileira na educação infantil

Uma publicação para download gratuito que tem como objetivo inserir conteúdos que relacionem a história e a cultura da África e dos afro-brasileiros na educação infantil.

História e Cultura Afro-brasileiraNeste ano uma parceria de peso entre a UNESCO, o MEC e a Universidade Federal de São Carlos se formou para elaborar um livro especial para a Educação Infantil: História e cultura africana e afro-brasileira na educação infantil.

A publicação para download gratuito tem como objetivo inserir conteúdos que relacionem a história e a cultura da África e dos afro-brasileiros no currículo da educação básica.

O livro elege duas práticas culturais para realizar trabalhos pedagógicos que privilegiem a expressão africana e a realidade afro-brasileira: o Projeto Espaço Griô e o Projeto Capoeira. Ambos os projetos trabalham com o desenvolvimento humano muito presentes na educação infantil: a oralidade, a corporeidade, a musicalidade, o ritmo e a sociabilidade. Continue lendo “História e cultura africana e afro-brasileira na educação infantil”

Livro Museu, Educação e Cultura: Encontro de Crianças e Professores com a Arte

Qual a relação entre museu, cultura, educação e criança pequena? Conheça a nossa sugestão de leitura para você chegar a uma conclusão.

imagem Livro Museu Educação e Cultura Tempo de Creche recomenda a leitura do livro Museu, Educação e Cultura: Encontro de Crianças e Professores com a Arte, de Maria Isabel Leite e Luciana E. Ostetto. As autoras organizaram textos de experiências e pesquisas que tem muito a dizer e provocar sobre museus e crianças. Aprofundam o olhar para o encontro de crianças e educadores com a arte e a cultura contida em museus e exposições. É um livro que conversa sobre a estética, a educação do olhar e a formação do ser humano sensível que se apropria de museus e instituições culturais como próprias, espaços de encontros e aprendizagens.

 

Balão Para Saber MaisPara conhecer mais a opinião de Maria Isabel Leite, leia Museu um lugar de crianças pequenas?

Museu é lugar de criança pequena?

Museu é lugar de criança pequena? Leia o post que aprofunda esta relação escrito pela museóloga Ariane Azambuja

imagem Museu da Vida

Museóloga do Museu da Vida de Curitiba Ariane Azambuja participou do I Seminário Bebês no Museu, realizado pelo Museu Lasar Segall e pela Casa das Rosas em agosto de 2014, em São Paulo. Ela transcreveu o conteúdo da interessante conferência de abertura, Museu e criança pequena – relação possível e desejada, ministrada por Maria Isabel Leite*. Continue lendo “Museu é lugar de criança pequena?”

Visita a museu sem mistério!

Você já pensou em levar suas crianças para uma visita a Museu?
O que é um Museu para você? Há museus perto da creche?
 

Se não convivemos com os Museus, reforçamos apenas a imagem antiga de um local que guarda peças históricas, sem uso. Existem muitos tipos de museus, cada um com seu tema e especificidades.

IMAGEM VISITA A MUSEU

Porque visitar um museu?

Uma visita pode trazer muitos aprendizados para as crianças além do contato com os aspectos lúdicos das obras de arte, tão enriquecedor para o desenvolvimento da sensibilidade. A obra de arte tem a capacidade de despertar a imaginação da criança e estimulá-la a conversar sobre aspectos de sua própria vida. Continue lendo “Visita a museu sem mistério!”