Aprendizagem dos movimentos

Deslocar-se é assunto sério! Movimentos são linguagem expressiva e recurso de brincadeira. Leia nossa sugestão para trabalhar a aprendizagem dos movimentos.

atividade movimento 2

Aprendizagem dos movimentos numa viagem de faz-de-conta

Deslocar-se nos espaços é um assunto sério! Movimentos são linguagem expressiva e recurso de brincadeira. E não se trata somente de mover o corpo. Os movimentos constituem-se numa linguagem que comunica. O crescimento físico e a aquisição das habilidades motoras marcam a primeira infância e são favorecidas quando a criança participa de atividades motoras desafiadoras e lúdicas. Continue lendo “Aprendizagem dos movimentos”

Passeio é possível! Veja as experiências da leitora Luana

A leitora Luana, professora da rede municipal de Novo Hamburgo, RS, nos enviou relatos e registros das suas experiências com passeios no entorno da creche. Vale a pena conhecer!

Ao ler a postagem Uau! Passeio na rua… fora da creche… é muita aventura e descoberta! nossa leitora Luana, da rede municipal de Novo Hamburgo, RS, nos enviou relatos e registros fotográficos sobre suas experiências com saídas da creche. Luana compartilhou os passeios que fez com a turma do ano passado (2014), bebês de até um ano, e com a turma desse ano, na faixa de três anos.
Recebemos esse material com entusiasmo e curiosidade e partilhamos com todos a generosidade da professora gaúcha.

brincadeiras no parque

Luana se preocupou em descrever os interesses das crianças pelos temas, que encaminharam as escolhas dos locais. Também detalhou as etapas para realizar os projetos: preparou as crianças, o transporte, os acompanhantes e o material a ser levado. Assim, a alegria foi o tom de todo o processo! Continue lendo “Passeio é possível! Veja as experiências da leitora Luana”

Historia: o Leão e o Ratinho

Fábula clássica de Esopo, o Leão e o Ratinho, que adaptada para desenvolver a narração com a participação das crianças.

Tempo de Creche revisitou esta fábula, clássica de Esopo, que adaptamos para desenvolver a narração com a participação das crianças.

História Leão e Ratinho BlogNo enredo incluímos listas de animais, frutas e modos em que o ratinho suplica ao leão que salve sua vida.

No caso dos animais e frutas você pode trabalhar com a turma apresentando figuras para que eles identifiquem ou pedir que digam os animais e frutas que imaginam encontrar na floresta da história.

No momento em que o ratinho implora pela vida, você pode pedir para as crianças imitarem o ratinho. Continue lendo “Historia: o Leão e o Ratinho”

Uau! Passeio na rua… fora da creche… é muita aventura e descoberta!

Experimentar um passeio curto com as crianças nos arredores da creche é fonte de pesquisa inovadora e motivadora do processo de crescimento. Você já pensou em levar sua turma para conhecer o quarteirão da creche?

Visita a galeria na Educação InfantilExperimentar um passeio curto com as crianças, nos arredores da creche,  é fonte de pesquisa inovadora e motivadora do processo de crescimento.

Balão-Dúvida-pVocê já pensou em levar sua turma para conhecer o quarteirão da creche? O que tem para conhecer por perto? Tem praça com verde? Tem canteiros com  flores? Há uma instituição cultural  no bairro?

setaAntes das respostas… uma reflexão: Continue lendo “Uau! Passeio na rua… fora da creche… é muita aventura e descoberta!”

Pinceis da natureza: experimentando um mundo de texturas, formas e cores

Os pátios, praças, quintais e calçadas costumam ficar repletos de folhas, flores, sementes e até frutos em diversas épocas do ano. Quando as crianças passeiam por eles, gostam de colecionar estes elementos naturais, enchendo os bolsos e os baldinhos! Este material interessante pode ser utilizado num projeto de meio ambiente. O Tempo de Creche revisita uma proposta que agrega elementos da natureza à experimentação de texturas, forma e cores nas descobertas e muita brincadeira.

folhas no chão

 Para começar …

balc3a3o-dicaEsta experiência pode levar uma semana ou mais! Você pode fazer seu planejamento semanal com ela. Você pode desenvolver esta experiência tanto com crianças pequenas (1 a 2 anos), como maiores (2 a 5 anos)

Continue lendo “Pinceis da natureza: experimentando um mundo de texturas, formas e cores”

Para que a brincadeira continue!

A organização das brincadeiras, novas ou já conhecidas é o ponto de parida para receber as crianças que estavam de férias! Compreender a importância do brincar para a criança é fundamental e deve ser o foco da equipe.

… O mês de agosto está chegando! O mês de agosto chegou! Agosto … mês bem disposto!

É o início das atividades do segundo semestre e … para que a brincadeira continue veja as sugestões!

E a organização das brincadeiras, novas ou já conhecidas é o ponto de parida para receber as crianças que estavam fora, de férias. Compreender a importância do brincar para a criança é  fundamental e deve ser o foco da equipe!

Ampliando a postagem anterior Espírito de férias na brincadeira  selecionamos várias  propostas para que a brincadeira continue e a diversão não termine!

contato-tempo-de-crechePista com pneus e bambolês

Quais os movimentos que as crianças mais gostam de fazer? Quais os mais difíceis?

Angela h

Por meio de pistas ou circuitos com obstáculos como –  túnel de tecido, degraus de bancos, bambolês, pneus, cabanas montadas com tatames, proporcionamos às crianças o desenvolvimento e as ampliações gradativa de sua movimentação como o agachar, engatinhar, correr, subir, pular, girar, andar em diferentes planos (no alto, em baixo…) e, assim, desenvolver maior segurança  na movimentação cotidiana. Continue lendo “Para que a brincadeira continue!”

Projeto “A Arte pinta na Festa Junina”

Vamos pensar a prática para tornar a Festa Junina um projeto voltado para crianças? Acompanhe nossas propostas para a decoração, música, dança e culinária.

Na segunda parte da postagem sobre a cultura das Festas Juninas, vamos pensar a prática para tornar a celebração um projeto voltado para as crianças.

Ao trabalhar o resgate de memórias e a introdução do tema para os pequenos, a festa já passa a fazer parte do contexto da instituição e a decoração, a culinária, a música, a dança e as brincadeiras podem começar a ocupar o planejamento das propostas.

Balão numero 1DECORAÇÃO DO AMBIENTE E ALEGORIAS

Sabemos que com a proximidade da festa, seja ela comemorada com pais e comunidade, seja internamente, vem aquele comichão de decorar o espaço com tudo de típico e lindo que se puder fazer e comprar.

Obra Aracy

Mas, nesse momento, devemos ter em mente o significado do que vamos colocar festa nas paredes da creche.

  • Decoração do ambiente

O educador Loris Malaguzzi (Reggio Emilia) já dizia que as paredes da escola falam!

  • O que queremos que elas comuniquem?
  • O empenho, as escolhas e o talento para o artesanato decorativo da equipe pedagógica?
  • Ou, a fala das paredes da creche deve traduzir a expressão das crianças que ela abriga?

Continue lendo “Projeto “A Arte pinta na Festa Junina””

Passeando pela cultura: descobrindo a festa junina!

Que tal trabalhar a Festa Junina com as crianças mantendo uma abordagem cultural para dar consistência à proposta? Acompanhe a 1a. parte desta postagem!

FestaS JuninaS, no plural, porque são muitas! São diversificadas e são de cada um, de cada memória, de cada história. Festa Junina no Brasil é cultural. Que bom!

Obra Rodrigues Lessa 2

Trabalhar esse tema com as crianças mantendo uma abordagem cultural dá uma sensação de consistência à proposta, não?

E por isso, que tal colocarmos uma roupa de projeto na abordagem dessa celebração para construir com as crianças um repertório cultural interessante e compatível com as tradições e costumes das famílias da comunidade?

Vamos falar da festa e como ela é celebrada regionalmente, algumas músicas e cantigas, as danças a comida e a decoração. É muito assunto! Dá para começar agora e, dependendo do interesse da turma, ultrapassar a própria comemoração! Continue lendo “Passeando pela cultura: descobrindo a festa junina!”

Afinal, o que é Arte na Educação Infantil?

O que as crianças pintaram? O que é arte na Educação Infantil? Vamos refletir sobre atividades práticas realizadas durante uma formação em creche?

O caminho de uma experiência de formação com professores de creche e suas crianças nas atividades de artes visuais, revelou questionamentos que provavelmente acompanham professores de outras creches. Que tal se dividíssemos nossas reflexões aqui? 

Balão na PráticaApós quase um ano de formação, qualificando o atendimento da creche, adequando os serviços e trabalhando a transição para tornar-se uma creche conveniada à prefeitura, chegamos à etapa de desenvolver conteúdos pedagógicos específicos em serviço, com cada educador e sua turma. As professoras do berçário tinham dúvidas sobre o que trabalhar na linguagem de artes visuais com crianças tão pequenas.

Lançado o desafio, trouxemos uma proposta chamada Arte e os Sentidos e na primeira atividade: EU APERTO, ESPREMO E SINTO TEXTURAS: MELECAS, BEXIGAS E RECHEIOS.

Atividade Melecas bexigas e recheios - organização do espaço

Deixamos a sala com espaço livre, colocamos uma lona plástica no chão e sobre ela dispomos em um canto bandejas com meleca de amido coloridas (veja receita abaixo), cumbuquinhas e pazinhas. Em outro canto, colocamos bacias com pequenas bexigas coloridas, algumas cheias com um pouco de farinha e outras com um pouco de água. Continue lendo “Afinal, o que é Arte na Educação Infantil?”

Território do Brincar – num filme de brincadeiras, dicas para brincar com os olhos e o coração!

No filme Território do Brincar possibilidades para trabalhar formação e dicas de 3 brinquedos tradicionais incríveis para os pequenos!

Filme Território do BrincarNa abertura da mostra de cinema com foco na infância, Ciranda de Filmes 2015, pudemos conhecer o Território do Brincar de Renata Meirelles e David Reeks. Uma poesia cinematográfica que atiça os diversos sentidos dos entusiastas da infância. Com fotografia precisa e encantadora, os olhos se enchem de beleza. A edição sensível conversa com a nossa memória e a trilha sonora sedutora do Grupo Uakti embala uma viagem para outros mundos e para o nosso próprio.

O filme vale ser visto e discutido em encontros de educadores e numa conversa de colegas no final de semana.

Entre as dezenas de brincadeiras mostradas pelas crianças filmadas por todo o Brasil, pudemos destacar três adequadas e desafiadoras para o universo da Educação Infantil. Continue lendo “Território do Brincar – num filme de brincadeiras, dicas para brincar com os olhos e o coração!”