Experiência: rola, enrola e pinta!

Uma proposta divertida. Muita experiência e aprendizagem para conquistar: pintura com rolinhos e plástico bolha. Conheça essa sugestão!

pintura com rolos e plástico bolhaCom as crianças voltando das férias, o gás para aventuras e novas pesquisas está renovado. E dá-lhe buscar inspiração para acompanhar a turma. Pesquisamos uma técnica interessante para pintar, provocar e trabalhar a criatividade e a motricidade.

Rolinhos de Plástico Bolha

Rolar, enrolar, girar e torcer: uma categoria de movimentos divertidos que as crianças pequenas gostam de fazer. Uma pista para o professor mediar e ampliar.

I – A dica é começar a trabalhar o corpo todo e depois passar para as mãos. Pesquise e selecione uma música provocante – se tiver na letra uma referência aos movimentos de enrolar e girar, melhor! Apresente para os pequenos e mergulhe na dança. Gire o corpo, deite no chão e role, use os braços para fazer movimentos circulares e, sem falar, convide os pequenos a se inspirarem nos seus movimentos. Crianças começam a aprender imitando. Continue lendo “Experiência: rola, enrola e pinta!”

Oficinas para crianças com artistas de verdade?

O MASP oferece uma oportunidade para crianças de 5 a 8 anos em oficinas gratuitas, aos sábados e domingos das 15 às 17 h. Venha se relacionar com as ideias e a produção de artistas contemporâneos.

 

Terceira oficina de desenho de "Histórias da infância" nos dias 14 e 15 de maio
Terceira oficina de desenho de “Histórias da infância” nos dias 14 e 15 de maio

Contato com a arte e os artistas Informação Experimentação e aprendizagem andando juntos! Esta é a proposta do MASP – Museu de Arte de São Paulo

Aos sábados e domingos, o museu oferece uma grande oportunidade de se relacionar com as ideias e a produção de artistas contemporâneos, em oficinas gratuitas para crianças de 5 a 8 anos. Entre os artistas visuais que receberam o convite para conduzirem as oficinas com as crianças estão Rivane Neuenschwander, Paulo Nazaterh, Beatriz Milhazes, e outros. A “relação entre o MASP, as crianças e suas formas de expressão é pioneira no Brasil e remonta aos anos iniciais do museu, fundado em 2 de outubro de 1947, destaca o curador Fernando Oliva. Continue lendo “Oficinas para crianças com artistas de verdade?”

Um acervo de ideias para reinventar o Desenho

Como podemos variar os desafios do Desenho? Que tal ampliar seu repertório de possibilidades e aprender a fazer giz de lousa gigante e tintas congeladas

Para as crianças, o desenho é brincadeira, desafio e prazer com os próprios movimentos. Mais tarde, as marcas também são valorizadas.
Para que essa brincadeira continue e seja ampliada é preciso desenhar sempre e, em especial, pensar em alargar os desafios.

 O que interfere no desenho e o que pode variar os desafios?

desenho 3Para a neurocientista mineira Leonor Bezerra, o cérebro das crianças está no início do seu desenvolvimento. Nesse momento é ideal provocar diversas áreas cerebrais com estímulos multissensoriais, isso é, que obriguem a criança a sentir e usar vários órgãos dos sentidos ao mesmo tempo. Assim, o ato de desenhar, que já se mostrou importantíssimo para favorecer a expressividade e as narrativas, também ganha pontos com os estímulos motores e proprioceptivos* associados às emoções e sensações. Quando propomos desafios mais amplos para os pequenos, bombardeamos [no bom sentido] diferentes áreas cerebrais ao mesmo tempo. O resultado disso é conexões nervosas mais abrangentes e complexas. E isso é provocar desenvolvimento, porque aprender é assumir novos comportamentos e atitudes. Continue lendo “Um acervo de ideias para reinventar o Desenho”

Palavra de … Josca Baroukh: a criança e o acesso à Arte

A professora e formadora Josca Aline Baroukh fala sobre a importância da Arte para as crianças e para formação dos professores, numa conversa animada e recheada de suas memórias da prática.

Em entrevista ao Tempo de Creche a professora Josca Ailine Baroukh fala sobre a  importância do acesso das crianças e dos professores à Arte como alimento para as múltiplas formas de expressão

Tempo de Creche – Como você vê a arte no currículo da Educação Infantil? E a Arte na formação dos professores?

Josca Se nós considerarmos que a arte se apresenta em várias linguagens e que as crianças pequenas se expressam pelas 100 linguagens, como diz Lóris Malaguzzi, o acesso a essas linguagens é fundamental para sua formação. As crianças têm direito de conhecer as várias linguagens da arte, pois elas se expressam por meio delas.

Josca 9

Se nós não ensinarmos uma criança a falar, inserindo-a em contextos de fala, ela não vai usar a linguagem verbal. Da mesma forma, se nós não ensinarmos as linguagens artísticas, ela também não vai utilizá-las para se manifestar. As crianças se expressam de muitas formas diferentes, quanto mais se oferecer a elas acesso às diversas linguagens, mais poderão se manifestar à sua maneira. É um dever do educador oferecer e promover a elas o acesso às múltiplas linguagens. Continue lendo “Palavra de … Josca Baroukh: a criança e o acesso à Arte”

É dança? É música? É desenho? É dança-desenho!

Crianças experimentam o mundo e se expressam com corpo todo. Pensamos nisso quando planejamos propostas? Conhece a dança-desenho, arte de muitas dimensões?

Crianças não separam emoções e sensações nas suas vivências. Crianças experimentam o mundo por inteiro … com o corpo todo e a mente. Todas as dimensões participam do que propomos a elas, por isso, ao planejarmos momentos de desenho, movimentos do corpo e música, o que de fato estamos provocando? Temos consciência do conjunto de sensações, emoções e criações que estamos despertando?

Nesse sentido, alguns estudiosos têm pesquisado a abrangência do envolvimento das pessoas com as Artes e algumas conclusões podem contribuir com as práticas da Educação. Um foco desses estudos pesquisa a conexão entre desenho, pintura e as expressões do corpo.

Que relações existem entre o corpo que se movimenta e dança ao som da música e o corpo que risca e pinta sobre um suporte?

desenho e dança 6 Segni Mossi

Continue lendo “É dança? É música? É desenho? É dança-desenho!”

Para ampliar a pesquisa: tintas coloridas de farinha

Sugerimos uma receita de tinta com farinha que altera a textura e a fluidez do material: para inovar a experiência e as brincadeiras!

Sugerimos uma receita de tinta com farinha que altera a textura e a fluidez do material… para inovar a experiência e as brincadeiras!

potes com tinta de farinhaExperimentação artística e brincadeira andam unidas na infância e, talvez, por toda a vida. Pesquisar materiais, testar suas propriedades, conciliar os movimentos das mãos, braços e corpo com os caminhos do olhar são desafios muito aceitos pelas crianças, que criam percursos e narrativas.

As tintas fazem parte da Educação Infantil e o ideal é que os pequenos utilizem esse meio numa variedade de suportes. Porém, alterações na qualidade dos materiais vão provocar e desafiar os pequenos, envolvendo-os num percurso de aprendizagens sensitivas, físicas e emocionais. Continue lendo “Para ampliar a pesquisa: tintas coloridas de farinha”

Em que língua falo com minhas crianças?

Não é fácil traduzir sentimentos e emoções em palavras. Como estimular, então, aquilo que as palavras não dizem? Leia na postagem EM QUE LINGUA FALO COM AS MINHAS CRIANÇAS?

Balão-Dúvida-pComo contribuir para que as criança se comuniquem?

Às vezes é frustrante notar alguns pequenos com estado de espírito fragilizado e não conseguir “ser um ombro amigo”.  Acolhemos nos braços, tentamos conversar, mas percebemos que a criança tem o que falar e não consegue se expressar. 

Linguagem do corpo

Não é fácil para nós, adultos, traduzir sentimentos e emoções em palavras. Que dirá para as crianças em pleno amadurecimento global.

Nos encontramos, então, numa encruzilhada entre a disposição para ajudar e a dificuldade em dialogar.

Balão-Dúvida-pEssa situação tem solução?
Como resolver a questão? Continue lendo “Em que língua falo com minhas crianças?”

Uma conversa com Anna Marie Holm: arte, natureza e a poesia da infância

Acompanhe a conversa da arte-educadora dinamarquesa Anna Marie Holm sobre crianças, arte, natureza, sensibilidade e poesia, durante sua visita a São Paulo.

A vinda da artista (e educadora, apesar de ela própria não se descrever assim!) Anna Marie Holm para São Paulo, marca a primeira celebração de aniversário do Ateliê Carambola, a escola de Educação Infantil da educadora Josiane Del Corso.

Ação artística livro Eco-arte Anna Marie Holm

 Nós construímos espaço para a brincadeira, para a poesia. Aerodesenhos

Num encontro no MAM – Museu de Arte Moderna, São Paulo, a arte-educadora dinamarquesa começou sua conversa com o público presente já anunciando que não queria perguntas, mas diálogos! E assim Tempo de Creche acompanhou sua conversa sobre seu diálogo com os materiais, os lugares e as crianças dinamarquesas com as quais trabalha. Continue lendo “Uma conversa com Anna Marie Holm: arte, natureza e a poesia da infância”

Afinal, o que é Arte na Educação Infantil?

O que as crianças pintaram? O que é arte na Educação Infantil? Vamos refletir sobre atividades práticas realizadas durante uma formação em creche?

O caminho de uma experiência de formação com professores de creche e suas crianças nas atividades de artes visuais, revelou questionamentos que provavelmente acompanham professores de outras creches. Que tal se dividíssemos nossas reflexões aqui? 

Balão na PráticaApós quase um ano de formação, qualificando o atendimento da creche, adequando os serviços e trabalhando a transição para tornar-se uma creche conveniada à prefeitura, chegamos à etapa de desenvolver conteúdos pedagógicos específicos em serviço, com cada educador e sua turma. As professoras do berçário tinham dúvidas sobre o que trabalhar na linguagem de artes visuais com crianças tão pequenas.

Lançado o desafio, trouxemos uma proposta chamada Arte e os Sentidos e na primeira atividade: EU APERTO, ESPREMO E SINTO TEXTURAS: MELECAS, BEXIGAS E RECHEIOS.

Atividade Melecas bexigas e recheios - organização do espaço

Deixamos a sala com espaço livre, colocamos uma lona plástica no chão e sobre ela dispomos em um canto bandejas com meleca de amido coloridas (veja receita abaixo), cumbuquinhas e pazinhas. Em outro canto, colocamos bacias com pequenas bexigas coloridas, algumas cheias com um pouco de farinha e outras com um pouco de água. Continue lendo “Afinal, o que é Arte na Educação Infantil?”

Angélica e Sandra falam sobre o fazer arte com a criança

Na entrevista a arte-educadora Angélica Costa Arechavala e a pedagoga Sandra Cordeiro Marino falam a respeito do fazer arte com a criança pequena.

A arte passa pelo corpo da criança

imagem Angélica ArechavalaAngélica e Sandra, a seu ver, qual o enfoque do trabalho de artes com a criança?

 As crianças, desde muito cedo podem fazer arte, mas quem define as ações das crianças como arte é o olhar do adulto que a acompanha.  Para a criança em si tudo é movimento e pesquisa, tudo é brincadeira vivida através do corpo. Continue lendo “Angélica e Sandra falam sobre o fazer arte com a criança”